Tamanho do texto
pequeno
medio
grande
Mapa do Site Fale Conosco Webmail

Gastronomia






Pirarucu à Casaca

Por ser uma região de muitos rios e lagos, o Acre tem o peixe como um ingrediente importante na sua culinária regional. Entre as espécies mais apreciadas, estão o filhote, o tambaqui e o Pirarucu. Uma receita tradicional na região Norte, principalmente em Manaus, o pirarucu à casaca também é muito apreciado no Acre, que faz a pesca manejada do peixe. Na receita original, o pirarucu e os demais ingredientes são dispostos em camadas, sendo uma delas de farinha d’água. A receita a seguir é uma adaptação, feita pelo restaurante Ofélia Food, para agradar também aos clientes que não podem comer farinha.


Quibe de arroz

Trazida para o Acre pela influência da comunidade árabe, os quibes são quitutes que já fazem parte da gastronomia acreana. E aqui no Estado além da receita tradicional, feita com trigo, um outro tipo de quibe também ganhou o paladar do povo: o quibe de arroz.


Quibe de Macaxeira

Originário do Oriente Médio o quibe é um prato típico da região dos países árabes. O seu preparo mais comum é uma massa de carne moída e trigo tabule, recheada originalmente com carne de carneiro e ervas. O quibe é um prato popular também na América do Sul onde foi introduzido pelos imigrantes sírio-libaneses. O quibe foi incorporado à gastronomia acreana com mudanças bastante significativas no seu preparo, como a massa de macaxeira, raiz bastante consumida em toda a Amazônia. A criatividade e paladar do acreano foi além, o arroz também pode substituir a tradicional massa do quibe. Em outros estados o quibe de macaxeira é conhecido como croquete de carne, mas em qualquer lanchonete e restaurantes do Acre os quibes de macaxeira e de arroz são sempre uma ótima pedida.


Saltenha

A saltenha é um prato típico da Bolívia, que foi trazido para o Acre dada a proximidade entre o Estado e o país vizinho. O salgado pode ser frito ou assado. Na Bolívia é mais comum a forma assada. No Acre a preferência é por ela frita. A massa da saltenha frita é a mesma do pastel, só que mais grossa para que ela resista à pressão durante a fritura, que deve ser feita com óleo bem quente. Confira a receita utilizada pelo Cantinho Lanches, um dos pontos mais tradicionais de venda da saltenha em Rio Branco:


Tambaqui à moda acreana

O peixe é, sem dúvida, uma das boas opções da culinária acreana. No Estado a piscicultura se fortalece, e para quem gosta de carne branca, o pirarucu e o filhote são boas opções para saborear. Outra espécie bastante apreciada é o tambaqui. A costela de tambaqui pode ser uma das opções encontradas nos cardápios dos restaurantes locais. Aqui,a gente apresenta a receita do Tambaqui à moda acreana, uma receita premiada no Festival do Tambaqui em 2008, evento promovido pelo Sebrae. A receita é do restaurante Ofélia Food:

2018 Governo do Estado do Acre