Rio Branco se organiza para receber turistas

August 25, 2010 Escrito por Andréia Oliveira, assessoria PMRB

Mapas e painéis compõem sinalização turística da capital acreana (Foto: Assessoria/PMRB)

A RBTRANS finaliza esta semana a implantação do Programa de Sinalização Turística da cidade de Rio Branco com a fixação de dezessete mapas de orientação turística distribuídos em postos estratégicos da capital. Além dos principais roteiros a serem visitados, o mapa traz orientação de telefones úteis, serviços de emergência e legenda na língua inglesa.

Ao todo, mais 70 placas de sinalização foram fixadas em pontos estratégicos da capital, distribuídas entre postes aéreos e pontos fixos com indicativos dos atrativos turísticos existentes na capital. O objetivo do projeto é contribuir para a orientação dos visitantes e melhorar a infraestrutura turística da cidade.

A sinalização turística é um dos instrumentos para bem recepcionar e acolher visitantes, além de fazer parte da estrutura básica de qualquer localidade. A padronização das placas permite aos usuários da via uma perfeita visualização e interpretação objetiva das mensagens expostas. Detalhes como tamanho, formas, cores, posicionamento, fundos e símbolos caracterizam esse projeto.

Segundo o superintendente da autarquia, Ricardo Torres, a parte mais interessante foi implantada no centro da cidade. Os mapas de orientação servirão como um guia turístico fixo. “A distribuição foi feita pensando em nortear as pessoas que aqui chegam e facilitar o deslocamento aos principais pontos turísticos da cidade, utilizando nossa malha viária. Já no centro, pensamos em um mapa para orientar o turista a conhecer nosso sítio histórico, com uma simples caminhada, sem a necessidade do uso de automóveis”, explica o superintendente.

Com o apoio do Ministério do Turismo, Caixa Econômica Federal e contrapartida da prefeitura de Rio Branco, o projeto foi elaborado obedecendo aos padrões estabelecidos pelo Guia Brasileiro de Sinalização Turística e o Código de Trânsito Brasileiro, artigo 24 que diz que compete ao órgão de trânsito do município implantar, manter e operar o sistema de sinalização. O projeto contou ainda com o apoio da Fundação de Cultura Elias Mansour e Fundação Garibaldi Brasil.

“Lembramos a todos que o furto das placas é crime previsto no artigo 155 do Código Penal Brasileiro, esperamos contar com a colaboração da população para garantir a conservação da sinalização. Atos de vandalismo são comuns em placas de sinalização. Ao identificar atos dessa natureza, denuncie chamando a Policia Militar através do telefone 190”, enfatiza o superintendente da RBTRANS, Ricardo Torredos

Principais pontos sinalizados

• Calçadão da Gameleira;
• Praça da Revolução;
• Palácio Rio Branco;
• Praça Povos da Floresta;
• Praça Thomas Edson;
• Memorial dos Autonomistas;
• Mercado Velho;
• Mercado dos Colonos;
• Praça Joaquim Macedo;
• Praça do Estádio;
• Museu da Borracha;
• Praça Antônio Maia Queiroz;
• Parque da Maternidade;
• Reservatório do Bairro 6 de Agosto;
• Estádio Arena da Floresta;
• Usina de Arte João Donato;
• Biblioteca da Floresta;
• Catedral Nossa Senhora de Nazaré;
• Tentamen;
• Fórum Barão do Rio Branco;
• Memorial dos Combatentes da Revolução Acreana;
• Horto Florestal;
• Parque de Exposição Marechal Castelo Branco;
• Teatro Plácido de Castro;
• Parque Capitão Ciríaco;
• Parque Plácido de Castro;
• Praça Elias Mansour Filho.


Atualizado em November 23, 2010

Últimas Notícias